quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Sentes-te valentão para isso?!? E achas que aguentas?


O Shôr Carlos Ramalho, presidente do Sindicato Democrático dos Enfermeiros entrou hoje em greve de fome numa atitude valente, pujante, e determinada, alegando que “se é necessário um mártir, esse sou eu!”

Com a "manta" que tem em cima, deve de aguentar uns tempos, digo eu.

Toda esta dinâmica da greve dos enfermeiros ganha assim um outro frisson, não por o Ministério da Saúde considerar que devem ser atribuídas faltas injustificadas aos enfermeiros em greve, ou porque se queira forçar o retomar das negociações com o Governo; mas porque o último valentão que vi entrar nesta fria foi o Luaty Beirão, e esse estava bem mais fragilizado ao início. Veremos agora ao que vai dar.


Será que o Selfie Marcelo, que ele tanto diz respeitar, se deixa demover pelo pretenso sofrimento, e cede perante as reivindicações da classe, ou passa ao lado e assobia, perante tão inusitado convidado que se foi cravar em frente ao seu palácio de Belém?


Aceitam-se apostas, também válidas na Betclic e Placard.


Mais a sério, tenho de aqui deixar bem claro que por muita razão que tenham, sucumbem e caem redondos porque o direito à vida e o apoio à saúde, serão sempre, no meu ponto de vista, prioritários. Mais quais serviços mínimos?!?!?

Então a história contada neste vídeo tem explicação num estado de direito, civilizado?!?!? Faz sentido?!?!? E se fosse o paizinho deles?!?!?



Video aqui: 

Eu também faço greve, e sou até delegado sindical onde trabalho, mas nunca coloco as minhas intenções à frente das dos serviço, e muito menos, das dos contribuintes. São opções e vocações que escolhemos, embora a minha não fosse esta, antes escrever, e a ela me tive de adaptar. Ademais, trabalho com folhas, números, notas e moedas. Não com vidas, que sofrem. 

Não quero com isto dizer, de forma alguma, que devem de estar subjugados ao Governo, inteiramente submissos. Mas… se eles só fazem aquilo que querem, acham mesmo que é colocando outros seres a sofrer que chegam lá?!?!? 

Está lá?!?!? Quem fala? És tu, Conan?!?!?

E as ropinhas, man?!?!?
Bom… em primeiro lugar tenho de dizer como eu vejo este meu blogue. Isto é assim: uma mesa no café “Alentejano”, em Portalegre, porque tem imenso estilo, ou noutro sítio qualquer do mesmo género, algures. Pode ser n’”A Brasileira”. Eu sento-me e começo a dissertar. Falo do que é meu, gabo o que tenho, digo do que gostaria de ter, digo de tudo um pouco porque aos malucos e às crianças, tudo é permitido. E entro numa de elogiar aquilo que gosto, aquilo que amo, e zurzo de alto a baixo aquilo que de que não gosto mesmo nada. Não tendo meio termo, e amando ou odiando, únicas margens deste rio da vida, cá vou seguindo a minha, que queria caminhar tranquila como a do Caine, no Kung Fu. Em feitios, não há mais ou menos insípidos, cá para mim.


A que hoje me traz aqui é essa… coisa chamada Conan Osiris, e a Eurovisão, por acréscimo.

Não me querendo armar em elitista, que não sou, de todo (amo o Benfica do povão, e desprezo o Seporten dos Viscondes, por exemplo), tenho de dizer que não ligo um caracol a essa cena da Eurovisão. Acho todo aquele andamento do mais piroso e desajustado que se pode imaginar. É que é tudo completamente démodé. Cada país a dar notas aos outros, pretensamente avaliando o tema que apresentam, como sendo o melhor?!? Pelo amô dji Deuuusssssssss… EU TIRO O TUBO!!!!


Depois, confesso que não me juntei ao coro nacional do ano em que o Salvador venceu aquilo. Achei a música bonita, mas nada do outro mundo. A irmã, que a escreveu, tem criado coisinhas bem mais bonitas. Podem-me chamar de bruto, sem coração, mas não me deixei tocar, de todo.


Isto tudo antes das galinhas do médio oriente, num tema absolutamente inenarrável. Aquilo para mim, é mais do que suficiente para qualquer cantor, compositor, e performer que se prezasse, tirasse da ideia o poder entrar num circo de horrores daquele género.



Mas… quando nós esperávamos já ter batido no fundo, eis senão quando o pior ainda está sempre para vir. 

Claro que não vi a pré-eliminatória nacional deste ano, porque foi isso que se passou, segundo o que li, em que foi apurado para a final do Festival da Canção como segundo concorrente mais votado pelo público, o rapazinho este. E logo o do visual assim do mais futurista que se pode imaginar, com aparência de um ser híbrido, meio homem-meio máquina, que foi o mais votado pelo público, com o tema que compôs e interpretou chamado: “Telemóveis”. Ólaré!!!!

Eu, que vejo notícias ao almoço e ao jantar, consumo diversos programas de boa informação, ouço várias rádios praticamente 8 horas por dia, vejo e escrevo na internet, que gosto de estar informado… senti-me algo deslocado quando me vi na necessidade de pesquisar mais sobre quem seria o bízaro.


E vi. Aquilo é… duro. Vou dizer qual é a minha leitura: um jovem com ar lunático, completamente outsider, canta ao melhor estilo flamenco drunfado de um bairro cigano qualquer, umas palavras desconexas sobre… telemóveis!!!!! Isto enquanto outro marialva, em não muito melhor estado, com ar de quem esteve a comer uma feijoada temperada com o mais bravo picante do México, se dobra todo como estivesse a ter um ataque de lombrigas extraterrestres.

A letra, que me dei ao trabalho de pesquisar, é medonha. A saber:

Eu parti o telemóvel
A tentar ligar para o céu
Pra saber se eu mato a saudade
Ou quem morre sou eu
Quem mata quem
Quem mata quem
Mata?
Quem mata quem?
Nem eu sei
Quando eu souber eu não ligo a mais ninguém
Se a vida ligar
Se a vida mandar mensagem
Se ela não parar
E tu não tiveres coragem de atender
Tu já sabes o que é que vai acontecer
Eu vou descer à minha escada
Vou estragar o telemóvel
O telele
Eu vou partir o telemóvel
O teu e o meu
E eu vou estragar o telemóvel
Quero viver e escangalhar o telemóvel
E se eu partir o telemóvel?
Eu só parto aquilo que é meu
Tou pra ver se a saudade morre
Vai na volta quem morre sou eu
Quem mata quem mata?
Eu nem sei
A chibaria nunca viu nascer ninguém
Eu partia telemóveis
Mas eu nunca mais parto o meu
Eu sei que a saudade tá morta
Quem mandou a flecha, fui eu
Quem mandou a flecha, fui eu
Fui eu

AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

A TOMAR POR CULO!!!!

Ora, está bem visto que não é preciso um gajo ter sido iluminado para perceber que não há aqui um mínimo de poesia, portugalidade, sentido, bom gosto. Isto, a bem dizer, é uma granda merda! Que o povo português tenha votado nisto só prova que… bem, eu das últimas vezes que tem sido dada ao povo a hipótese de opinar, das últimas eleições cá do burgo, a isto; tenho levado cá com cada apertão, que só me dá vontade de me meter na nave e desaparecer por esse espaço sideral fora.

Ver amigos que eu estimo há décadas, cultos, com bom gosto e rodados, começarem a imolar-se  em plena praça pública na defesa da coisa, é confrangedor.

Também tu, amor?!?!?

Tenho uma explicação para o episódio: acho que desde que o Variações morreu tão novo cheínho de SIDA, que nós tugas ficámos órfãos de uma figura que nos albergasse a todos debaixo da sua genuína e verdadeira genialidade. Qual rei D. Sebastião, qual quê?!?!? Quem é que mandou o cachopo esse ter-se metido naquela nuvem cheia de marroquinos maus como a puta que os pariu, a pensar que se safava?!??!?
Este das barbas, o maior génio musical que já nasceu neste solo luso, foi pior, o pobre. Fatinhos de cabedal e muitos melos bem regados nas catacumbas de San Francisco, lançaram-no numa espiral de destruição que um tem de ir é para o que quer, mas nos deixou a suspirar, ansiando até que os sublimes Humanos nos foram mitigando a dor...


até erros de casting, como este.

Mas quem é que pensa o gajinho este que é?!?!?!?

Estou que não posso…



Eu sou tão velho e da velha guarda…

<3





terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Alice, 9 anos, espalhando maravilhas pela casa fora

Nota para a mana, em inglês: "tenho uma cena para te dizer, mas logo ta direi". Mais ou menos isto.

"Para meteres na tua secretária lá no emprego, pai."




segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019

Lá vai uma, lá vão duas, três avinhas a avoare (Aves - nenhuma, SLB - 3)



7a vitória de Lage consecutiva, à estreia, começada logo aos 3 minutos. E o simples que este homem é, o claro que é ao falar, o explícito, o simpático, QUERES CÁ VIR JANTAR A CASA?!?!?? 

Foi um jogo dominado, muito cerebral, bem controlado contra um lagartão portista (todos os males lhe chegaram...), o que só me deu um prazer redobrado! 

Piu

Piu Piu

De apontamentos importantes: super golo madrugador do Esferovite SUÍÇO a grande centro do "Samaris te vas, para grande pena minha", ainda eles estavam a atar as botas; segundo maravilhoso do Super Rafinha, a rendilhar a defesa e a colocar no outro lado; e uma obra de arte do puto Ferro, a rematar em suplesse, fazendo um arco, numa área super povoada. MAS QUEM É QUE DISSE QUE OS CENTRAIS TÊM DE SER PATUDOS?!?!?

1. Sferovic _ 3'
2. Rafa _ 37'
3. Ferro  _ 59'
vídeo:
https://www.record.pt/multimedia/videos/detalhe/ferro-tomou-lhe-o-gosto-novo-golo-desta-feita-numa-especie-de-chapeu

ESTOU QUE NEM POSSO!!!!
QUE VENHAM OS DEMÓNIOS TURCOS, À QUINTA!!!

Ó CONDE VLAD LAGE QUER-VOS SUGAR ATÉ AO TUTANO!!!


Lá tinha de vir este lambão, mamão! Estás aqui, está a levá-lo! Minha puta!!!

Acredita, EQUIPA!!!
#RECONQUISTA!!!!

terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

É o fungágá...fungágá da bicharada





Assim que soube disto, percebi logo que tinha de escrever, para conseguir exorcizar o mal. Meu Deus… Como se não bastasse… Que país, este…

Qualquer dia, sai mesmo a jangada de pedra por esses oceanos fora, para cair no abismo algures dos confins do negro, escuro, e infinito espaço sideral.

Como se não bastassem os tremendos e gritantes escandâlos bancários (https://observador.pt/seccao/economia/banca/caso-bes/) para todos os gostos e feitios (https://www.rtp.pt/noticias/economia/bpn-e-o-maior-escandalo-de-sempre-do-sistema-financeiro-portugues-defende-nicolau-santos_a549882), o sistema político do mais corrupto que se pode imaginar (https://sicnoticias.pt/especiais/socrates) (https://observador.pt/seccao/pais/armando-vara/) a populaça também vai dando achegas para a fogueira, para ver se as brasas não arrefecem… (https://www.publico.pt/2019/02/07/sociedade/noticia/julgamento-detidosmanifestacao-comeca-forma-conturbada-1861057#gs.F4WwdUyB)

A (grande maioria) da população portuguesa de hoje em dia anda adormecida, agarrada à televisão, presa aos smartphones, hipnotizada pelos pcs, tablets, consome e não pergunta, não se questiona, não pensa!!!, enquanto caminha hipnotizada para o fim.

A bomba mais recente, para mim, foi a de um grupo de reclusos da cadeia de Paços de Ferreira, um estabelecimento prisional de alta segurança destinado aos presos mais ruins dos maus, que transmitiu em direto pelo facebook, a festa de aniversário de um traficante de droga, o Márinho dos Quicos, que celebrava 41 anos e mantém um perfil no facebook onde publica regularmente; organizado pela Armando. Tudo rapaziada do melhore!







A festinha, filmada por outros detidos, através dos seus telemóveis ali proibidos por lei naquele espaço, começou às duas da tarde de sábado passado, e terminou uma hora e meia mais tarde. Deu para esticar as patinhas, beber álcool duro, fumar do que havia e dar-lhe bem, malhar no jogo, comer bolo e desfrutar de muita curtição.

Nesse período de visitas na cadeia de Paços de Ferreira, só há dois guardas de serviço na ala A para cerca de 400 reclusos, e só assim se consegue explicar que tenham aproveitado a abertura das celas para montar mesas no corredor da prisão, escapando ao olhar dos responsáveis.

Pois parece que um dos quatro guardas de serviço estava no parlatório a acompanhar as visitas, outro a revistar os reclusos na saída para a visita, e, depois, no regresso ao pavilhão; um terceiro com a brigada de reclusos a fazer a recolha do lixo, e ficava um guarda na ala para 374 reclusos, que é uma média extraordinária.

A Direção-Geral dos Serviços Prisionais já comunicou que foi instaurado “um inquérito interno, a cargo do Serviço de Auditoria e Inspeção, e coordenado por um procurador”.
O magistrado do Ministério Público que coordena o Serviço de Auditoria e Inspeção do Norte da Direção-geral de Reinserção e Serviços Prisionais já esteve no estabelecimento prisional este domingo para o arranque da investigação. Depois de casa roubada… trancas à porta!!!

A brincadeinha não é nova! Já em junho de 2016, vários vídeos publicados no facebook mostravam também dezenas de reclusos do Estabelecimento Prisional de Sintra numa festa com pizza, música, charros e o que aparentavam ser notas de 500 euros. Também essa festa foi filmada com telemóveis e aconteceu numa das salas de convívio da prisão. O aniversariante era “um recluso famoso por aqueles lados”, disse um guarda prisional. Todas as imagens foram publicadas em perfis de Facebook de pessoas que estão presas na cadeia.



Eu posso ser assim muita possidónio, concedo, mas tinha ideia que isto… não era, ou não deveria ser assim. Aprendi que quando as pessoas fazem muito mal, e cometem um erro terrível, têm de ser privadas do bem mais absoluto de todos: a liberdade.
Para se corrigirem, quando acusadas, partindo do pressuposto que têm um julgamento idóneo e justo, têm de ser enclausuradas, para ali repensarem a sua vida e, refletindo, com ajudas diversas, conseguirem planear o seu regresso à vida cá fora.

Ora isto está tudo virado do avesso! Como é eu explico estas imagens à minha filha Alice de 9 anos, que aprende na 3ª classe?!?!? O que vale é que ela é mais o Acampamento Kikiwaka…  


Convido a espreitarem as ligações que vos deixo abaixo, para se aperceberem das reclamações dos guardas prisionais, e de como tudo faz sentido.

Este país… que começou com o filho a bater na mãe, que sempre viveu da exploração de terras de além mar, nunca se endireitou e se não tivesse sido a Europa a dar a mão, muito provavelmente já teria ido pelo ralo abaixo.


Eu adoro ser português, atenção! Acho que se tivesse nascido noutro país, emigraria para cá, e haveria de arranjar maneira do Marcelo ser o meu presidente também. Mas nós… tugas…temos cenas em que... não valemos um caracol.


Bibliografia:





domingo, 10 de fevereiro de 2019

De gala... __________BENFICA - 10 x Nacional - 0

O nosso GRANDE menino Lage
(um treinador do Benfica mais novo que eu...
?!?!?
Onde é que isto vai parar?!?!?
Onde é que eu vou parar?!?!?!?)


As minhas primeiras palavras vão para ti, jovem feiticeiro, que chegaste tímido, aparentemente pouco seguro com o ruído à tua volta, algo afetado pelas palavras pouco calorosas do nosso presidente que, na minha opinião, esteve muito mal neste filme. Fosse a dizer que viu a luz no Seixal que manteve Vitória (que depois teve de deixar ir... enxotar?!?!), fosse por ter aberto as pernas feita rameira, entregando o Clube de bandeja ao Mourinho (quem?!?!?), esteve muito mal, ao ponto de nem parecer ser dele. 


Tu entraste muito cerebral, calculista, focado, concentrado, e só fala de trabalho, e treino, trabalho, e mais trabalho... que se vê!!! Porque puxas as jóias do Seixal, que tão bem conhecias da equipa B, e fâ-las brilhar! (hoje, o jovem Ferro até marcou!!!, mas o estreante Florentino deslumbrou, e o puto Félix, contigo, tem-se lapidado para ser muito provavelmente, o diamante mais desejado da cantera da águia, do Seixal. Contigo não entra apenas nos finalmentes, é ÀS de TRUNFO!)

Adoro o teu estilo anti-herói, adoro como sacodes as bajulações do capote, e insistes em veres-te apenas como um orquestrador.





Meu Guardiola de sonho, o meu Benfica contigo é... deslumbrante, capaz de enrolar os lagartos duas vezes seguida (sem dificuldade alguma); e espetar 10!!!!! numa equipa treinada por um carrasco que está infectado com a grave doença das vacas azuis. Estou desejoso de te ver jogar contra o jovem arrogante barbudo.


Obrigado por me teres feito tão Félix, obrigado a todas as Casas espalhadas por esse país fora, que deram um espetáculo de sonho, e devoção clubística; obrigado ao nosso Chalana, meu ídolo de infância, que a senilidade nos levou tão cedo, hoje cumpriu 60 anos, e teve esta prenda à altura. Que a memória nunca o deixe só, que o nosso carinho sempre o transborde, como o que lhe dei quando nas Velhas Guardas, tive o prazer profundo de o abraçar.




Meu caro Bruno, deste um grande passo para ficares a 1. Vamos no bom caminho... Venha campeonato! 


O VÍDEO-RELATÓRIO DE COMO TUDO FOI


Como vi hoje, no palco da minha amiga Estrela, do Adro, com esta companhia de luxo: o meu amigo colega de trails, João Sérvolo, e o meu querido Zé Maria Taxista, de 94 anos de profunda devoção benfiquista, para quem corro sempre para ver junto os jogos (por muitos que veja, a idade já não lhe deverá dar o prazer de ver muitos mais :(, porque costuma confessar que eu a puxar, sou um espetáculo dentro do espetáculo! E o que ele se riu hoje ao ouvir-me cantar o hino na abertura, em plenos pulmões (a patroa deixa!), como se estivesse lá na catedral... :)
"Ai, este João Sobreiro (meu pai), é demais!" (como diz sempre)
Legenda: queres ver de binóculos?!!??
Vi ao blogue do Sabi!