quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

2008… Balanço emocional

Foi...
-
Foi o ano da Eurodisney e de 4 dias vividos na mais pura e imensa felicidade. Eu sei que o paraíso existe. Já lá estive.

Foi o ano do Brasil e de uma missão inesquecível que fica para a vida.
(Renascendo para o mundo numa das cachoeiras selvagens do Parque das 7 cidades)

Foi o ano da subida de nível nas Finanças, depois de um concurso duríssimo de 3 provas, em 3 anos e que envolveu dezenas de códigos (espessos, maçudos e indigestos).
-
Foi o ano de voltar a estudar depois de já nada esperar da vida académica, tudo graças a uma Pós-Graduação financiada, à porta de casa e que me deixa sempre a pensar.

Foi um ano de muito trabalho, com muitos eventos (sempre em equipa) e muitos sucessos.

Foi o ano da confirmação do desporto como vector fundamental, com uma estimativa de 1.400 quilómetros corridos!!!!! (4 semanas x 12 meses = 48 semanas x (3 x 10 quilómetros ) = 1.440 Km). Os pontos altos foram a Meia Maratona da Ponte Vasco da Gama (21 quilómetros) e a Maratona BTT da Rota das Antas.

Foi ano do meu blogue que é o meu escape, o meu lar alternativo, o meu amigo secreto, o local onde me encontro e reencontro, a minha ponte para as pessoas que me confessaram que com ele se riram, choraram e sobretudo pensaram. Foi, sem dúvida alguma, o ano de redescoberta da escrita.
-
Foi mais um ano da família (o elo mais importante)

Com os amigos sempre presentes!

Foi o ano de um país em convulsão

Foi o ano da afirmação portuguesa no desporto

Foi um ano de malandros...

E de novos heróis!

Foi o ano de um mundo que mudou muito mas no mal, nem por isso…
-
Foi um ano de partidas
-
E de esperanças adiadas…
-
Olho agora para 2009 como um enorme corredor com 365 portas por abrir e descobrir.

Será o ano da recta final da missão autárquica que se revelou bem mais dura, longa e solitária do que esperava. Termino com a consciência tranquila de quem tudo fez para estar à altura. Assim espero…

Será o ano de regresso à casa-mãe fiscal. Tenho saudades da minha vida... e de tirar este peso enorme e invisível que carrego nos ombros de dia e de noite.

Espero que seja o ano da confirmação da visita de estudo à Finlândia para poder aprender como funciona um dos sistemas educativos mais evoluídos e bem urdidos de toda a Europa e do mundo. A candidatura está aprovada. Faço figas para que tudo dê certo.

Será o ano de reencontro com os Oasis, em Fevereiro, num Pavilhão Atlântico que espero esgotado.

Faço votos que seja o ano da consagração internacional e da beatificação da imperial do Choca (Pastelaria S. Marcos, Santo António das Areias), como a melhor do Mundo. Com ela faço um brinde,


A todos os amigos que por aqui passam, fazendo votos de saúde, a mais preciosa de todas as riquezas. O resto vem por acréscimo. Que o ano novo seja em GRANDE!

E já agora... o meu também, com as pequenas sempre por perto.


4 comentários:

Jaime Miranda disse...

Votos de um grande 2009. Aquele abraço.

Fernando disse...

E 2009 que seja um ano vivido ainda com mais intensidade...
Bom Ano!

Maia Júnior disse...

Desejo-lhe um ano cheio de realizações,que possamos estreitar ainda mais os laços de irmandade entre Marvão e Castelo do Piauí.

Um abraço de um castelense que apesar de não conhecer-lhe pessoalmente sei do seu empenho e dedicação para que essa geminação de certo,saiba que todos nós castelenses somos grato por isso.

Felicidades pra você e toda sua familia!!!

Abraço!!

Pedro Sobreiro disse...

Obrigado meus bons amigos, de aquém e além-fronteiras. Um grande ano para vocês e todos os vossos também. Muita saúde, que o resto, a malta desenrasca-se!

E Maia, dê por aí um abraço a todos os irmãos de Castelo.

Estão no coração!

Um grande 2009!