terça-feira, 10 de março de 2009

Ich liebe dich! (ou como quem diz... adoro lagartitos fritos de um dia para o outro!)

-
Ai Fritz, Fritz... estavam tã tenrinhos...


Bayern de Munique 7 – SCP (só com pão) 1


Para provar que não sou rancoroso, que não sou “de gancho” e até consigo ser patriótico, faço questão de recordar os mais distraídos que não escrevi uma única palavra depois do desastre de Alvalade, há 15 dias atrás, quando comeram só 5 desta mesmíssima equipa.

Desta vez é demais e não resisto a fazer o gosto ao dedo…

A capacidade de superação do Sporting Clube de Portugal é notável a todos os títulos. Depois de terem apanhado esses 5 secos em Alvalade, subiram a parada e não descansaram enquanto não mamaram 7 na Alemanha.

Para quem não saiba que a Liga dos Campeões funciona nesta fase por eliminatórias a duas mãos, esclareço que no global da ronda, o saldo ficou por 12 para o Bayern e 1 para o Sporting, o que não é, de facto, para todos.

Recordo agora que quando os vi entrar para o avião em Lisboa, todos com ar tão circunspecto, de cabecita baixa, confundi aquilo com concentração. Percebo agora que iam era cagados de medo.

Os alemães acabaram de provar tudo aquilo que eu sempre pensei deles e do seu apetite voraz em devorar os povos que lhe apareçam à frente. O treinador do Bayern, a antiga glória Jürgen Klinsmann, em vez de atender ao nível medíocre dos lagartos e de dar oportunidade a quem habitualmente não é titular e não joga em casa como o homem que faz de roupeiro, o rapaz das luzes, a senhora que vende cachecóis e o cigano que transacciona bilhetes no mercado negro, decidiu entrar com eles a matar e foi o que se viu…

Ainda bem que eu descobri a tempo que o Meo dá para gravar. Esta é daquelas emissões que nós nos podemos gabar de guardar no disco rígido. Memorável!

Espero que a direcção do Benfica também tenha gravado e passe o resto da semana a escamotear o jogo com o pessoal do plantel. Pode aqui, melhor do que nunca, ver como é que se transforma o Sporting numa equipa de matraquilhos de uma daquelas mesas em que o ferro ferrujento e sem óleo nos impede de fazer as fintas que sabemos de cor e salteado desde que andávamos de fraldas.

Eu arrisco a dizer mais: para se ganhar ao Sporting, basta apenas que passemos mais bolas ao Polga. O rapaz é amigo e até faz auto-golos de grande gabarito. “Quique, aprende hombre… quando o Suazo, o Cardozo e o Gomes não facturarem, teremos agora sempre um Polga à nossa espera…”. E isso é tão reconfortante…

Foi tão engraçado e divertido de se ver… Não sei se repararam mas de cada vez que os alemães carregavam no acelerador, os lagartitos pareciam aqueles bonecos que servem de barreira quando habitualmente se treinam os livres. A facilidade em facturar era tamanha que cheguei a acreditar que até com as orelhas e o cú podiam meter um ou dois.

Espero que o Sporting não desanime. Há todo um mundo de possibilidades que surge agora à sua frente. Despediram-se da Liga dos Campeões, onde nunca tinham chegado tão longe, com a derrota mais pesada da sua história europeia e dificilmente vão querer voltar, mas podem agora fazer, por conta própria, uma tournée europeia, ao jeito dos anões toureiros, jogando com equipas das 3ª divisão distrital e levando a alegria a milhares nas bancadas, contando apenas com a patetice do seu futebol. É obra!

Perceberam certamente agora a estratégia do Benfica… Para ir para lá fazer figuras destas… mais vale ficar quietinhos em casa a jogar playstation ou a ver os outros fazerem por eles o papel de cabeçudos. Valeu a pena chegarem tão longe?

Por um lado não digo que não. Deram uma importante achega e contribuíram imenso para a criação de uma nova entrada no dicionário satírico/urbano germânico. A partir de agora, “ser do Sporting” passará a ter para eles o mesmo significado que para nós “ser nabo” ou “ser azelha”. Já estou a imaginar, numa cantina qualquer quando o empregado se distrair, ter de ouvir do patrão: "Ó Fritz! Já deixasten queimarr outrra vez az tostaz misten do Doutorr Heinz! Merden, pázinhen, parrece que eis do Sportting!”.

Como a minha televisão tem um som surround, pude apreciar os comentários de Paulo Bento para dentro do campo em toda a sua plenitude. Quando todos o viram gesticular e gritar para dentro das quatro linhas pensaram certamente que dizia: “olha a marcação”, “desce pela linha”, “não vás no homem a homem”… Na verdade e eu ouvi, o que dizia era “vai-te daí embora!”, “Faz-te morto e chama a maca”, ou “desaparece-me aí pela linha de canto e apanha um táxi para o hotel… antes que te fo*am ainda mais o juízo …”.

Gostei muito de o ver cumprimentar os jogadores de cada vez que eram substituídos. Também aí percebi que em vez de os felicitar pela sua prestação, o que fazia, na verdade, era pedir-lhe desculpas por os ter metido em tamanha alhada: “Epá, ó Adrien, desculpa lá mas o Paulinho ainda não está inscrito e alguém tinha de jogar…”. Eh eh…

Só tive pena foi de não ter disponível a função multicâmara. Mas não pensem que era para ver os golos do Bayern de todos os ângulos. Isso é para pichotes e fracos de espírito. Se tivesse esta opção tinha ficado o jogo todo só a olhar para a cara de urso do Bentinho enquanto ouvia os gritos dos alemães por terem entrado mais meia dúzia.

Já vai sendo altura de deixarem este homem em paz. Hoje provou que é um treinador à altura. Soube escolher os jogadores, soube montar a equipa, soube ler o jogo e fazer os ajustamentos necessários. Bento… és grande. Nosso Senhor te conserve lá por muitos e bons anos.

Os comentadores da RTP também são muito divertidos. Quando aos 81 minutos, o Pedro Silva fez uma entrada em que interpretou um passo clássico e de antologia de wrestling sobre um adversário em plena área, afirmaram: “logo agora que ele estava a acertar”. Eh, eh… brincalhões… Nunca é tarde, não é? O Klose disse o mesmo quando concretizou o 6º na sequência do lance.

É duro e eu compreendo. Se eu mandasse no país, podem crer que amanhã os supositórios Buscopan eram gratuitos para todos os lagartos encarteirados e decretava luto nacional só para cuidarem das hemorróidas.

Uma palavra final de parabéns e acerto para a direcção da RTP que censurou a indispensável e obrigatória entrevista final. Realmente, não são horas para mais filmes de terror. Ainda deveria de haver muitas crianças a acompanhar a emissão.

Só não compreendo uma coisa: onde é que os lagartos foram buscar a ideia de que nós, benfiquistas, gostamos que eles percam quando jogam para as competições europeias?!?!?!?

E não me venham falar em Vigo… isso foi há muito, muito tempo…E o vosso foi ONTEM! ONTEM! Ainda estão tão quentinhos…

Pedro Sobreiro

Sócio do Sport Lisboa e Benfica nº 83.972 com as quotas em dia! Toma!

5 comentários:

Jorge Miranda disse...

Não prestas nem um bocadinho...mas vais "morrer" pela lingua.
No entanto eu já marquei umas consultas de psicanálise, a ver se consigo recuperar do tombo.
Um abraço
Jorge Miranda(em coma desportivo profundo)

Artur Sequeira Portela disse...

"Sócio do Sport Lisboa e Benfica nº 83.972 com as quotas em dia! Toma!"

Ninguém melhor que um benfiquista para compreender este momento!

John The Revelator disse...

Foi duro! Mas no final do jogo pensei no resultado (7-1), e tenho a certeza que o Sporting já teve outro igual. Não me lembro contra quem, mas sei que teve. Até sei dizer que o Manuel Fernandes (grande!) marcou 4, mas não me recordo de mais nada.

E por mais humilhante que o resultado tenha sido, para ti não é nada de novo, todos sabemos o à vontade com que o teu benfica encarou a derrota por 5 com o Olympiacos ainda nem à 3 meses. Mas já é normal...

Só espero que a tourada em que participaram em alvalade no dia 21 do mês passado (com oles do principio ao fim), se repita no dia 21 deste mês.

Sócio do Sporting Clube de Portugal nº 89423 com as quotas em dia! Até breve...

Como sei (porque ouvi da tua boca)que ainda hoje tens esta espinha na garganta, aqui vai o video para reavivar a memoria.

http://www.youtube.com/watch?v=OBNjs8I5bM8&feature=related

João Bugalhão disse...

ò Junior, bem sei que em 1986, eras pequenito..., mas em 1994, já andavas a passear uma "tibiazitas" muito frazinas lá pelo campo dos Outeiros...

E lá por essa altura, um jovem pouco menos franzino do que tu, deixou alvalade à beira do colapso!

Tanto assim foi, que anos depois foram busca-lo para explicar como tinha sido possível.

Caso não te recordes, é só clicar aqui no sítio...


http://www.youtube.com/watch?v=c3c9SK-cj_s

John The Revelator disse...

Voltei para cantar os parabéns!!!!

100.000 visitas ao blog brother!!! Parabéns e vamos até ao milhão. Obrigado pela companhia diária, é mesmo um prazer vir ao teu estabelecimento. Manda vir uma rodada que pago eu, e um pratinho de tremoço. O meu agradecimento vai como prenda para a Leonor também, já que ela adora! É só clicar play...

http://www.yonkis.com/mediaflash/unmillon.htm

Em resposta ao Mister Bugalhão, só queria dizer que não precisava ser tão cruel. Os 6-3 já eu tinha varrido para o fundo da memoria. E as minhas tibiazitas eram de uma precisão incrivel! Podia ter ido longe... que sabe até um Odivelas B, ou a um Freamunde. Abraço